A importância do gerenciamento das oportunidades de vendas

79
A importância do gerenciamento das oportunidades de vendas

O gerenciamento das oportunidades de vendas é fundamental na busca por melhores resultados e, para que aconteça com qualidade, é imprescindível que o gestor foque sua atenção no papel dos leads para o crescimento comercial e, principalmente, em como encontrá-los de forma eficiente e promissora.

Resumindo, leads são pessoas que conheceram sua marca e se tornaram clientes em potencial. Seja por meio de buscas na internet, por campanhas de marketing ou mesmo pelo boca-a-boca de um cliente já fidelizado – que muitas vezes chamamos de advogado da marca.

O importante aqui é que essas pessoas, após conhecerem seu trabalho, divulguem alguma informação para contato, como e-mail ou telefone, por exemplo, e que você, por meio desta oportunidade, busque meios de criar um relacionamento produtivo que possa converter esses indivíduos em futuros clientes ou em um futuro negócio.

Lá em 2006, um cara chamado Brian Halligan escreveu um livro chamado “Inbound Marketing”. Nesse livro, Halligan nos apresenta o conceito de Inbound Marketing ou Marketing de Atração. Essa “atração” se daria pelo fato de que modos tradicionais de buscar clientes, muitas vezes invasivos, estavam ficando para trás. O importante agora era atrair possíveis clientes através de um conteúdo digital específico e relevante.

Explicamos mais sobre esse movimento nestes artigos sobre funil de vendas e jornada do cliente que podem te interessar. Confira!

Preparamos também dicas para você que procura atrair novos clientes e alavancar vendas com o que há de mais eficaz no gerenciamento das oportunidades de vendas.

Atraindo a pessoa certa

Vamos imaginar que sua empresa trabalha com a venda de equipamentos de pesca. Um blog com notícias, dicas e informações sobre o mundo da pesca esportiva irá atrair aquela pessoa que ama pescar e procura estar por dentro de tudo relacionado ao assunto. Nesse mesmo blog você anuncia uma atrativa mensagem:

“Cadastre-se em nossa newsletter para receber nossas últimas ofertas, notícias e prêmios!”

Pronto! Se você percebeu, esse é o lead certo. Foi fisgado!

Mas o trabalho de gerenciamento de oportunidades não termina por aí, agora é preciso converter o lead em cliente.

Convertendo o lead

Agora já sabemos que as oportunidades de vendas se dão pela captação de possíveis novos clientes para a empresa. Mas não basta atrair qualquer pessoa para seu conteúdo, como também não adianta coletar dados de pessoas que dificilmente se tornarão novos clientes. Você quer os leads certos.

Com conteúdos relevantes e eficientes, sua equipe deve continuar nutrindo esses leads com afinco, até porque aquela pessoa que se transformou em lead pode muito bem esquecer sua marca e procurar uma que mais lhe atraia.

O trabalho aqui é segurar o lead até conquistá-lo.

Fechando o negócio

Aqui vale muito a habilidade de vendas, sem dúvida. Mas, mais do que isso, trata-se de criar um relacionamento positivo com seu lead buscando entender as suas dores e desafios, tentando oferecer soluções eficientes de forma mais pessoal e personalizada. Esta é a chamada venda consultiva, sobre a qual também já falamos aqui no blog e em nosso canal do YouTube no 3º episódio da série Airbox Talks. No processo de vendas consultivas, a qualidade do lead importa, e muito!

E, para fechar com chave de ouro, que tal apresentar uma proposta comercial bem estruturada e assertiva? Neste artigo trazemos um passo a passo para elaborá-la e no banner abaixo oferecemos um modelo editável para alavancar os seus resultados.

Modelo de Proposta Comercial da Airbox

Artigo anteriorAfinal, como coletar o feedback do cliente adequadamente?
Próximo artigoComo a tecnologia pode apoiar empresas de consultoria